Páginas

quinta-feira, 14 de março de 2013

Requerimento de Julina resultará na OPERAÇÃO TAPA BURACO

Através de requerimento, vereadora cobrou que o município realize em regime de urgência Ação Emergencial de Trafegabilidade e Segurança nas Estradas da Zona Rural de Aratuba.

Na última terça-feira, 12, durante a Sessão da Câmara de Aratuba, a vereadora Julina Guedes, cobrou ao Executivo, providências no sentido de tampar os buracos existentes nas estradas vicinais do município, começando emergencialmente pelo trecho que liga Aratuba ao Sítio Baixa Grande e em seguida, as estradas em situação mais crítica.

"Realizar o que podemos batizar de Operação Tapa Buraco nas estradas da zona rural de Aratuba, trata-se de uma necessidade real e específica em um grau de urgência elevado, pois é dever do município garantir um tráfego seguro para pedestres, pessoas que utilizam animais para seu  deslocamento e condutores de veículos motorizados, trata-se ainda de uma ação preventiva, a fim de garantir a conservação da frota de veículos do município”, disse Julina.

O requerimento de autoria da vereadora beneficia de forma direta todas as regiões do município de Aratuba, Julina compreende que a prefeitura deverá elaborar um calendário estratégico para atender e executar seu requerimento, porém a necessidade de sua execução é em curto prazo, a fim de se evitar maiores prejuízos para à população e aos cofres públicos.  

Segundo Julina suas cobranças ao Executivo sempre serão pensando na coletividade, pois exercer o papel de um parlamentar, é compartilhar dos momentos difíceis e das conquistas de seu povo.

UMA PREOCUPAÇÃO COM AS CRIANÇAS ARATUBENSES

Para Julina ainda é muito cedo para se fazer uma analise da administração de Ivan Neto, o momento é de reorganizar a casa e pontuar as estratégias a serem desenvolvidas de acordo com a realidade de cada setor.

A vereadora e presidente do legislativo aratubense tem buscado dentro de uma visão sócio-política fiscalizar e propor alternativas de solução no sentido de colaborar neste momento de reorganização.

Uma de suas colaborações foi à solicitação através de requerimento para que a municipalidade retorne de imediato o atendimento pediátrico nas localidades onde funcionam as equipes convencionais do Programa de Saúde da Família – PSF.

“O atendimento especializado de pediatria apenas uma vez por semana no Posto de Saúde da Sede torna-se inviável para as famílias carentes que por muitas das vezes não tem como se deslocarem da zona rural até a sede”, concluiu Julina. 

0 comentários:

Postar um comentário